Onyx

O HERBICIDA QUE FALTAVA!
NUNCA FOI TÃO SIMPLES!

Herbicida para as culturas do milho grão, silagem, pipoca, e doce, eficaz nas infestantes dicotiledóneas mais usuais, eficacia sobre ciperáceas e na redução do número de bolbilhos no solo, modo de ação único, fundamental numa estratégia anti-resistências, o parceiro ideal na pós precoce e na pós emergência das infestantes, fácil de aplicar: das 2 as 8 folhas do milho, sozinho ou em mistura, bom perfil toxicológico e ecotoxicológico.

Herbicida indicado para o controlo das infestantes anuais de folha larga na cultura do milho forrageiro, milho doce e milho grão em aplicações de pós-emergência.

MODO DE AÇÃO
O ONYX® é um herbicida de contacto aplicado em pós-emergência para o controlo das infestantes anuais de folha larga na cultura do milho grão, doce e forrageiro.
O ONYX® contém piridato, possui uma translocação limitada, através do apoplasto, inibindo a fotossíntese ao nível do fotosistema II (inibe a atividade da proteína D1). O piridato pertence ao grupo químico das fenil piridazinas.
O piridato, é absorvido através das folhas. No processo de fotossíntese, ocorrem danos irreversíveis na planta como consequência da inibição do transporte de eletrões até a plastoquinona. Dessa forma não existe a produção de ATP, bem como a produção de NADPH2. Como resultado desta perturbação, as infestantes param imediatamente de crescer e acabam por morrer, num processo que começa pela borda das folhas.
ONYX® é eficaz nas infestantes dicotiledóneas mais usuais.
Modo de ação único, sem resistências conhecidas, por isso, um instrumento fundamental numa estratégia anti resistências.
Fácil de aplicar, desde 2 às 8 folhas do milho.
Elevada seletividade em milho grão, silagem, pipoca e doce.
Eficácia pouco dependente das condições climáticas.
Bom perfil toxicológico e ecotoxicológico.
Flexível, sendo o parceiro ideal em mistura na pós precoce (2 folhas) e na pós emergência (4 a 6 folhas);  em mistura com herbicidas do grupo das tricetonas consegue-se um  “Booster effect” (potenciador).
Excelente eficacia sobre Ciperáceas e na redução do número de bolbilhos no solo (o ONYX® em mistura com tricetonas, aumenta significativamente a eficácia sobre as ciperácease e contribui a curto-médio prazo para a redução do número de bolbilhos no solo).

RECOMENDAÇÕES DE APLICAÇÃO

CULTURA ALVO DOSE ÉPOCA E CONDIÇÕES DE APLICAÇÃO
Milho forrageiro, milho doce e milho grão Infestantes dicotiledóneas 0,75 – 1,5 L/ha Aplicar em pós-emergência da cultura, das 2 às 8 folhas verdadeiras da cultura do milho (BBCH 12-18), e quando a maioria das infestantes tiverem emergido. Não aplicar ONYX® quando o milho tem menos de 2 folhas verdadeiras. Os melhores resultados obtêm-se quando a aplicação é realizada com as infestantes em crescimento ativo, desde o estado cotilédone até ao estado de 4 folhas (BBCH 09-14).

Nº máximo de aplicações: 2 com 7 dias de intervalo entre aplicações, não ultrapassar a dose de 1,5 l/ha/ano.

O volume de calda optimo para a aplicação deverá estar entre os 200-400 L/ha.

Solução Belchim:  1 L de ONYX+ 1 L de TEMSA (Mesotriona) por hectare;
Em casos de infestações com gramíneas juntar ELITE M 0,5L/ha (Nicossulfurão).

Recomendações gerais:
Aplicar com as infestantes pequenas;
Melhores resultados são conseguidos quando a temperatura  está entre os 14-25ºC;
Respeitar um período de 5 horas entre a aplicação e a chuva;
O efeito booster (potenciador) é só quando em mistura com tricetonas.

PERFIL DO PRODUTO
Nº AV: 1000, concedida pela DGAV
Composição: 600g/L (55,70% p/p) de piridato
Formulação:  Concentrado por emulsão (EC)
Culturas: Milho forrageiro, milho doce e milho grão
Intervalo Segurança: não tem
Grupo químico: HRAC – Grupo C3.
Classificação CLP:

Palavra-sinal (CLP): Atenção
Embalagens: 250ml, 1L, 5L, 10L, 20L

A informação constante neste site não dispensa a leitura atenta do rótulo do produto.
Recomenda-se a consulta do site oficial da DGAV : https://sifito.dgav.pt/divulgacao/usos